Planejamento Pessoal de Vida: Passo a Passo Completo e Eficaz! [5 PASSOS]

Existem diversas pessoas que não gostam de fazer isso, mas sabia que fazer um planejamento pessoal de vida, te coloca em um estado mais responsável. Porque tipo assim, quando você tem objetivos para alcançar, você faz cobranças a si mesmo.

Fazer planos só te trás benefícios, por exemplo:

  • Você consegue enxergar aquela oportunidade de carreira.
  • Você consegue construir uma vida mais equilibrada.
  • Você consegue “fazer” seu futuro.

Um planejamento pessoal de vida pode te ajudar até mesmo em sua aposentadoria.

Tudo é questão de construir e seguir esse plano.

Nesse artigo eu listei diversas dicas que você pode implementar em seus planejamentos e conseguir a sua vida dos sonhos.

planejamento pessoal para a vida

1º Passo: Aonde você está e aonde você quer chegar?

imagem 1Primeiramente você tem que entender que qualquer coisa que você quer realizar, você precisa passar por uma auto-avaliação. Aonde estou e aonde quero estar?

Pra isso você tem que listar seus objetivos e listar uma meta com uma DATA para realizar esse feito.

É uma casa nova? Anote o que você tem agora, o que você está fazendo para chegar lá e o que você precisa para chegar lá. Assim você tem uma noção do norte que você está seguindo.

Tem algumas ideias que vão te ajudar com mais facilidade. Veja:

Identifique obstáculos que você poderá passar.

Parece ser algo chato de se fazer, porém por mais que planejemos o sucesso, existem obstáculos que você vai tropeçar – não, eu não estou jogando praga rs. Pelo contrário estou te avisando que o índice de sucesso é de 15 em 100%. Outros 85% de chance pode considerar tropeço…

Você não precisa ser agressivo com você mesmo, e também não deve passar mão na cabeça. Seja humilde, e veja o que realmente pode dar errado e assim você trabalha para não errar naquilo.

Esses exercícios de planejamento vão te ajudar muito em encontrar seus pontos fortes e fracos em situações diferentes.

O poder desse exercício pode te levar a não errar no planejamento pessoal de vida que você fizer.

Transforme-se em uma pessoa proativa.

Ser proativo vai te mostrar o caminho certo para eliminar a frase: “deixa a vida me levar”.

Todos nós temos objetivos de vida e se você pensa que a vida conspira a seu favor, você pode está certo, mas tem que colocar a mão na massa para realizar qualquer coisa!

Se seu planejamento estiver direcionado para um objetivo ou para um sonho, você precisa agir!

Pare de ficar apenas no sonho. Claro que sonhar é importante, afinal você está auto-praticando a lei da atração. Porém você tem que ser proativo, ativar a pessoa que tem dentro de você para realizações.

Divida sua meta em 3 fases: Ser, Ter e Fazer.

Siga: Quem eu quero ser, o que eu quero ter e, principalmente, o que eu tenho que fazer para chegar lá?

Tenha Consistência!

Você sabe aonde quer chegar, você sabe que vai ter obstáculos e sabe também que tem que ser proativo.

Agora ter consistência é essencial!

Você tem que entender que toda ação “eficaz” aos obstáculos são falhas, mesmo fazendo uma boa visão sobre o que pode errar.

Eu mesmo por muito tempo errei em não fazer isso aqui e toda vez eu tinha que começar do zero!

Falta de consistência te faz tropeçar em lugares que você planejou passar em sua vida e acabou não passando.

Para ter consistência você deve lembrar que se trata da sua vida dos sonhos e não qualquer coisinha por ai.

2º Passo: Defina quando você alcançará o objetivo.

imagem 2Por se tratar de um planejamento pessoal de vida, os objetivos são constantes. Conquistou um… próximo objetivo!

Definir uma data é importante pois é através das datas que você vai ter certeza que realizou ou não seu objetivo desejado.

Procure definições de: “Objetivos a curto prazo e Objetivos a longo prazo”.

A curto prazo seria uma viagem internacional ou uma casa. Agora a longo prazo seria uma aposentadoria, ou um investimento.

Entenda mais sobre esse conceito através de:

Defina um objetivo de cada vez!

Você tem duas escolhas!

A primeira é: Listar diversos objetivos (uns 10) e se desgastar bastante tentando realiza-los e correr o risco de não conseguir nem um e nem o outro.

E a segunda é: Especificar 1 a 2 objetivos e trabalhar com sua força total e por fim realiza-los te trazendo grandes benefícios para sua vida.

Qual seria sua escolha? – A de 1 a 2 objetivos, não é mesmo? Mais fácil e com mais chances de ser realizados.

A importância de saber planejar essa parte é também muito importante. Por que já vi pessoas fazendo planos como:

  • Comprar uma casa;
  • Ganhar 5 dígitos por mês;
  • Comprar um carro do ano;
  • Ter a saúde perfeita;
  • Fazer 5 viagens nacionais e internacionais;
  • E etc…

E no final ficar bravo por não ter conseguido realizar e ainda falar que não tem sorte na vida.

Bom, dessa forma poucos tem sorte mesmo! a Regra do: Ser, ter e fazer é importante aqui nesse ponto.

Defina um ou 2 objetivos por vez e assim realize muito mais do que o esperado.

Primeiro a curto prazo, depois a longo prazo!

A lógica é simples.

Pense… você quer chegar ao final da escada e você não consegue dar uma passada só e chegar ao último degrau. O que você deve fazer?

Subir degrau por degrau não é mesmo?

Da mesma forma você deve pensar quando se trata de alcançar seus objetivos.

Também existe outra forma que pode servir como lógica e também é exemplo:

Pensa em uma bola de neve pequena em uma ladeira… Ela vai ficar muito grande rapidamente.

Pode acontecer isso com seus objetivos a curto prazo que irão trazer muito mais rápido os objetivos a longo prazo.

Então para resumir, anote e busque os objetivos de curto prazo para depois buscar os objetivos a longo prazo com muito mais recurso.

Compartilhe essa ideia com alguém confiável.

Não tão importante, mas que pode te ajudar em um nível absurdo dependendo da pessoa que você for contar esse seu plano… porquê ela pode te cobrar mais isso de você.

Se seus planos forem os mesmos de interesse dela, você pode fazer uma parceria de: um cobrar o outro para não perder o foco.

Nessas situações as duplas que entram em destaque são os casais, pois o planejamento de vida é quase o mesmo em crescer.

Se você tem seu esposo ou sua esposa, que tal compartilhar a ideia?

Mas é claro, não é uma regra que precisa ser seguida, você pode usar essa dica como recurso para te impulsionar.

3º Passo: Priorize as atividades que você escolheu para alcançar sua meta.

imagem 3

As metas são importantes  para seu planejamento pessoal de vida, você já deve saber disso.

Porém corre grandes riscos de falhar uma vez que você não revisa o que te ajuda a chegar em sua meta com o determinado tempo e na determinada data.

Seu planejamento deve ser recheado de objetivos a curto e longo prazo, e cada um deles vai pedir que você realize tarefas, e são essas tarefas que você deve priorizar!

Você tem que aprender também a não esquecer que você tem uma vida social e que você deve abusar dela também, porém com moderação.

Veja algumas dicas desse passo que vão te ajudar muito em priorizar atividades:

Urgência vs Importância!

Se um dos seus objetivos nesse planejamento é ter um negócio ou uma empresa, essas duas definições para você deve ser considerada como importante (até combinou com o tema rs).

  • É preciso entregar isso agora ou pode esperar mais um pouco? – IMPORTANTE! 
  • O trabalho de outras pessoas depende dessa tarefa? Se sim, qual é a necessidade delas? – URGÊNCIA! 

A verdade é que muitas coisas podem ser feitas com calma e você pode pensar com tranquilidade para realizar suas tarefas.

Por esse artigo se tratar de planejamento PESSOAL, você deve ter a mesma ideia desse modelo explicado acima e utilizar em diversos planos que você tem. Se avaliando e perguntando: É urgente ou é importante para esse objetivo?

Tire alguns minutinhos para você analisar e perceber se é importante ou não.

Revisão de processo!

Até para saber qual é a melhor seleção do mundo tem uma avaliação mais conhecida como COPA que acontece de 4 em 4 Anos.

Imagine então, seu direcionamento para seus planos?

Todo processo se torna obsoleto em algum momento. Visitar seus andamentos de tempos em tempos contribui para identificar as tarefas que ontem eram consideradas urgentes e que hoje já não possuem a mesma importância e prioridade.

4º Passo: Responsabilidade em seu Planejamento Pessoal de Vida!

imagem 4Se por acaso, você não sabia… Você é responsável por estar aonde estar. Isso não é resultado de hoje mesmo, e sim resultado de ontem!

Quando falamos em responsabilidade, muitos pensam que é tomar o caminho mais difícil que a vida propõe, mas na verdade não.

Responsabilidade é você ser compromissado com você mesmo em realizar algo, em manter sua fala e até mesmo ser quem você é!

Tudo o que você for fazer, coloque as responsabilidade a frente. Seu planejamento pessoal de vida está feito? Beleza, coloque responsabilidade para executa-lo!

Na ideia de ser responsável, tem algumas coisas que você pode fazer pra obter essa virtude.

Veja:

Responsabilidade em escolhas.

As suas atitudes irão representar as consequências.

Um exemplo: Você se aposentou com 40 anos de idade. Sua maior batalha foi fazer isso acontecer não é mesmo? Teve um dia no seu passado que você decidiu ESCOLHER isso para você e manteve a responsabilidade em conseguir essa façanha, não é mesmo?

No seu planejamento, você tem que entender que o único responsável pela sua vitória, é você mesmo!

Escolha suas responsabilidades!

Questione suas crenças!

As pessoas com baixos níveis de responsabilidade são menos comprometidas e normalmente culpam os outros e não admitem os erros, arrumam desculpas e justificativas, se fazem de vítima das circunstâncias, têm um baixo nível de aprendizado, são resistentes, empurram para os outros tarefas, não cumpre o que promete, pensam que a obrigação é do outro e se recusam a agir.

Sabe qual é a consequência disso tudo? Uma programação mental que vai falar que você não consegue.

Mas será mesmo que você não consegue?

Isso tudo só será quebrado quando você desafiar suas piores crenças. E por coincidência, quando você elimina uma crença, você ganha mais força para quebrar as outras crenças que você tem.

Seu planejamento de vida deve ser feito a ponto de saber quais são suas condições primárias, saber quais são as crenças que você deve quebrar antes de iniciar seus planos.

#Vocêpodetudo! 

Responsabilidade não é brincadeira!

Para finalizar esse passo, eu preciso te falar que responsabilidade é algo sério que você tem que ter com você mesmo ao querer um objetivo, ou qualquer coisa.

A lógica é simples!

Você já viu alguém que está batalhando para emagrecer, comendo “descabeladamente”?

Quem realmente quer emagrecer, faz por onde! 

Da mesma forma, para qualquer coisa, mantenha a mesma responsabilidade igual a da pessoa que emagreceu 20Kg em 4 meses, fazendo o que tinha que ser feito.

5º Passo: Seja Específico

imagem 5Ser específico na hora de fazer seus planos é de grande importância, pois você conseguirá economizar energia para alcançar todos os sonhos e objetivos que você listar.

Ao ser específico você consegue pensar nos objetivos com muito mais emoção.

Recomendo colocar na folha ou nas suas anotações, o que realmente agregará valor em sua vida!

O que não for tão específico, tente coloca-los em período de curto prazo.

Conclusão!

Eu poderia ter feito uma tabela aqui com algumas coisinhas para você fazer.

Mas o que adiantaria eu fazer essa tabela sendo que você não iria saber o conceito real?

Por isso eu fiz um pouco fora do padrão para você realmente aplicar isso em sua vida e obter os resultados que procura.

Fazer um planejamento pessoal de vida é essencial, você tem apenas essa vida, vai viver por viver ou vai viver com propósito? Reflita 😉

Vou ficando por aqui e eu espero que esse artigo tenha te ajudado. Se você tiver curtido deixei seu comentário aqui abaixo que vai me ajudar demais!

Um grande abraço e até mais!

Fique com esse infográfico: 

Infográfico de Resumo – Planejamento Pessoal de vida.

infografico sobre planejamento pessoal de vida