O Guia definitivo para a INTELIGÊNCIA EMOCIONAL na Prática!

A Inteligência Emocional por sua vez tem o poder de controlar e gerenciar suas emoções, tanto pessoalmente quanto profissionalmente. Adiantando ou até mesmo atrasando o seu sucesso.

Não importa em qual situação profissional você esteja, se você consegue gerenciar um grupo de cinco ou 15 pessoas… Isso mostra o seu grau de eficiência em controlar sua energia emocional.

Não é atoa que esse assunto virou o tema deste artigo.

Por não ser um assunto bem tratado como outros, então o que é? E será que realmente é tão importante?

Nesse artigo eu listei 5 tópicos, e dentro de cada um abordo detalhadamente para você entender como funciona e começar a aplicar hoje mesmo! Veja a lista:

  • Inteligência Emocional;
  • Auto Consciência;
  • Auto Gestão;
  • Motivação;
  • Empatia;
  • O que evitar?

E mais…

  • Conclusão + Infográfico.

Pegue seu café e tenha uma ótima leitura! 

Inteligência Emocional

inteligência emocional

Tendo uma ligação muito forte com nosso subconsciente, a inteligência emocional tem seus benefícios.

Alguns deles são: se automotivar, motivar as pessoas, ter prática a gratidão, controlar impulsos e etc…

Para que você consiga atingir objetivos, você tem que programar suas emoções e sentimentos bons e ruins.

1) Pratique observar como você sente

Atualmente levamos um estilo de vida nada agradável. Temos muitas agitações e ocupações durante o dia, e querendo ou não, nós nos perdemos muitas vezes.

Uma forma bem eficaz para você reconectar com o seu emocional é: Faça uma respiração profunda, observe aonde sua mente parou, veja com atenção aonde a sua emoção aparece e veja também como é o modelo dessa emoção.

Depois disso tente fazer ela virar uma segunda natureza em seu corpo, na qual você domina.

2) Assuma a responsabilidade por seus sentimentos

Se tem uma coisa que vem de você é seu comportamento e suas emoções. Por mais que o motivo possa ser outras pessoas, mas a responsável por eles é exatamente você!

Quando você cria a responsabilidade disso, você costuma ter uma visão diferente… As coisas começam a agir positivamente a seu favor em todas as áreas da vida.

Assuma a responsabilidade de seus sentimentos e de suas ações.

No vídeo abaixo eu compartilho um conceito importante, o da autorresponsabilidade, veja:

3) Questione suas opiniões

Gerenciar nossas emoções torna-se mais fácil quando nos tornamos conscientes de como reagimos a elas.

Este é um estado de existência onde suas próprias opiniões são constantemente reforçadas por pessoas com pontos de vista similares.

Sempre que puder, tire um tempo para você conhecer novas histórias de outras pessoas. Isso ajudará você a ser mais receptivo em outras opiniões, ajudando até mesmo com novas ideias para você aderir em sua vida.

4) Saiba o que te estressa e evite-os!

Recomendo que você faça um balanço do que pode estressar você e quando você encontrar… Pule este gancho. Um exemplo?

Se você acha que checar alguns E-mails antes de dormir poderá te trazer dores de cabeça e te deixar estressado?! Faça isso em outro momento. Pode ser até mesmo em um intervalo do trabalho ou em alguma outra hora que você já está agitado.

O que você tem que fazer é achar o “gatilho” que te move ao stress e assim evitar. Igual ao caso dos e-mails… Você para de dormir! rsrs Tô brincando!

Você lembra que se abrir os e-mails antes de dormir vai te deixar estressado, e pode até levar o seu sono embora, então não os abram!

5) Crie um ambiente positivo

Além do que eu já te falei até aqui, sobre as habilidades que mencionei até agora… Reserve um tempinho para você perceber o que está indo bem e aonde você se sente grato por sua vida.

Criar um ambiente positivo não apenas melhora sua qualidade de vida, mas também pode ser contagioso para as pessoas ao seu redor.

Faça a prática e me conte depois no que deu. Tá okay?!

Auto-Consciência

imagem 2 inteligência

Uma das chaves para sua inteligência emocional é a capacidade de reconhecer e entender seu próprio caráter, humor e emoções. Isso também é auto-consciência!

Também inclui uma auto-avaliação realista do que você é capaz – seus pontos fortes e fracos – e saber como os outros o percebem.

1) Aprenda a olhar para ti mesmo objetivamente

Apesar de não conseguirmos nos conhecer por si completamente, e quase impossível objetivamente… Tem uma técnica muito boa para fazer comparações e assim entender mais sobre nós, inclusive descobrir nossos objetivos.

Seguinte, procure qualquer pessoa e pergunte a ela: “Quais são seus pontos fortes e fracos?” Com a resposta dela, você faz uma lista e compara consigo mesmo.

Isso vale muito para um objetivo, pois além de descobrir quem você é, você vai descobrir automaticamente quais são alguns dos seus objetivos.

2) Entenda o que motiva você

Antes de iniciar qualquer tipo de atividade, lembre-se do que te motiva. Já se torna 50% de caminho andado para você ter conclusão na sua atividade, tarefa, projeto ou objetivos.

Quando se trata de algo como trabalho, ou aquilo que você tem que fazer “todo santo dia”… Busque a raiz do benefício que isso irá te trazer. Por quê você está fazendo aquilo? Qual o benefício e objetivo principal?

Você irá conseguir muito mais ser motivado quando pensa no que vai conseguir fazendo aquela atividade. Entendeu a ideia?

Uma dica até simples para você conseguir quase tudo o que quer apenas com a motivação é:

O seu futuro é o seu presente! Nós fazemos planos e metas para algo que vai acontecer daqui a 4, 5 anos. Mas saiba que igual hoje, daqui 4 a 5 anos vai ser seu presente!

3) Examine suas Atitudes com frequência!

Encontrei em uma pesquisa na Wiki How, e achei muito interessante!

As atitudes são um rascunho das expectativas. E por pensarmos de mais, ter medo e sermos muito aflitos no que vai acontecer.

Uma forma de mudar isso é começar a pensar positivo e se manter motivado. Essa dica da Wiki How até se conecta a minha anterior, pois falei sobre motivação.

Quanto mais você pensar positivo e se manter motivado, mais as suas atitudes tendem a darem certo! Porque você fez o rascunho positivo.

4) Controle as Emoções Impulsivas

Se tem uma coisa que nos atrapalha muito são nossos momentos impulsivos. A todo tempo nós nos arrependemos de atitude que tomamos, e para controlar isso não é nada fácil.

Uma dica super interessante que você pode fazer uso, é criar um hábito de deixar sua inteligência emocional agir nesse momento, fazendo da seguinte forma:

Toda vez que “der a louca” em você para fazer algo, pense nos dois lado da balança. Lado positivo e lado negativo!

Pense no que pode dar errado e no que pode dar certo. Fazendo assim, você consegue reduzir uma boa porcentagem das suas ações impulsivas. Mas vou logo avisando… Não é fácil fazer isso! Busque sempre estar criando o hábito.

Autogestão

imagem 3

Uma vez que você conectou suas emoções com auto-conhecimento, você pode facilmente lidar com seu auto gerenciamento!

O benefício da autogestão te ajuda a controlar emoções, saber tomar as decisões corretas, ajuda você a cuidar do seu emocional e não é só isso não, ajuda em muitas outras coisas também!

1) Manter um cronograma (e cumpri-lo!)

“Quando você agenda compromissos em seu calendário, está dizendo a si mesmo:” Vou fazer A, B e C por data X e vai levar Y horas.” Foi o que Paul Minors disse!

Se observar, deveríamos colocar isso mais em ação. Pois com este cronograma, fica muito mais fácil de cumprir algo que tanto planejamos…

Além de você ter esse compromisso consigo mesmo, fica difícil você dar lugar para procrastinação agir.

2) Seja interessado

Um fator-chave na gestão de si mesmo e suas emoções é conscientemente tomado o tempo para se interessar pelo assunto, seja profissional ou pessoal.

Inclusive, este é outro ponto que a criação de hábito entra! Pois se você já tem o interesse, fica fácil você fazer a tarefa ou alcançar o objetivo.

Eu falo bastante sobre criação de hábitos em outro artigo. Recomendo que você veja:

Desenvolvimento Pessoal: Os 7 Passos Para uma Vida Melhor

Leia depois que concluir este sobre inteligência emocional, ok?

3) Pratique mais positividade!

Se você anda fingindo positividade, você vai se dar mal! Positividade vem de dentro de você e não em um momento temporário que você criou.

Agora se você anda muito negativo e não sabe o que fazer… Espera ai que eu sei!

Pare de ser imã negativo! Talvez o que está acontecendo é que você está aderindo conteúdo sem futilidade, ou se não você se encontra muito com pessoas que reclamam de tudo. Ou pode até mesmo ser seu próprio comportamento.

Busque mudar! Quando você mudar, correntes positivas aparecerão em sua vida. Duvida? Faz o teste!

Talvez você não saiba, mas isso atrapalha até em outros pontos da sua inteligência emocional que estamos trabalhando.

4) Busque mais Produtividade

O melhor caminho para uma maior produtividade é gerenciar seu tempo de inatividade!

Tem uma história sobre produtividade que eu gostaria que você lê-se, por favor:

O Lenhador e seu Machado! 

Certa vez, um velho lenhador, conhecido por sempre vencer os torneios que participava, foi desafiado por outro lenhador jovem e forte para uma disputa. A competição chamou a atenção de todos os moradores da localidade.

Muitos acreditavam que finalmente o velho perderia a condição de campeão dos lenhadores, em função da grande vantagem física do jovem desafiante.

No dia marcado, os dois competidores começaram a disputa, na qual o jovem se entregou com grande energia e convicto de que seria o novo campeão.

De tempos em tempos olhava para o velho e, às vezes, percebia que ele estava sentado. Pensou que o adversário estava velho demais para a disputa, e continuou cortando lenha com todo vigor.

Ao final do prazo estipulado para a competição, foram medir a produtividade dos dois lenhadores e pasmem! O velho vencera novamente, por larga margem, aquele jovem e forte lenhador.

Intrigado, o moço questionou o velho:
– Não entendo, muitas das vezes quando eu olhei para o senhor, durante a competição, notei que estava sentando, descansando, e, no entanto, conseguiu cortar muito mais lenha do que eu, como pode!!

E o velho respondeu:
– Engano seu! Disse o velho. Quando você me via sentado, na verdade, eu estava amolando meu machado. E percebi que você usava muita força e obtinha pouco resultado.


Pegando essa história como um exemplo, nem sempre estar trabalhando quer dizer que você está sendo produtivo!

Pare e amole seu machado, isso não é enrolação. Na verdade você está tirando um tempo para descansar e reforçar suas energias.

5) Seja Auto-disciplinado

Seja auto-disciplinado. É o que os adultos devem “crescer”.

Além da sua inteligência emocional que está em evolução, sua auto-disciplina deve fazer o mesmo.

Motivação!

imagem 4

Eu até falei sobre a motivação em um dos pontos anteriores acima.

Busque se motivar com seus objetivos finais, e não pare por ai não, pois se não você vai ser um realizado infeliz.

Você cumprindo esse tópico da motivação, você trabalha todos os outros acima, como autogestão, auto consciência e ainda tem a inteligência emocional blindada e muito poderosa!

Tem várias formas de se motivar e vou passar todas logo em seguida.

1) Crie Suas Metas!

Para criar suas metas você tem que ser realista consigo mesmo fazendo a seguinte pergunta: Eu estou apto para conseguir bater essa meta? E sua resposta deve ser SIM! Pois você tem capacidade de conseguir qualquer coisa.

Agora você tem que entender que precisa pagar um preço. Esse preço talvez seja até alto… E é ai que entra a sacada, você tem que fazer suas metas em pedaços para conseguir tornar ela grande.

Uma meta de exemplo: Você quer viajar para Bonito MT (exemplo), ficar lá por 15 dias… Você deve planejar isso alguns meses antes e começar a guardar 200, 300 reais todo mês. Fez isso? Atingiu a sua meta!

Fazendo apenas isso você já se motiva a não quebrar essa tão sonhada experiência.

2) Seja Realista!

Parece até ser contraditório da dica acima. Mas ao estabelecer uma meta, certifique-se que você consegue alcança-la no tempo determinado que você estipulou!

Não atingir as metas que você colocou, acaba te trazendo mal estar. Vai por mim, eu já passei por isso, e o erro não foi o objetivo, mas sim o tempo determinado da meta. Eu não estava preparado para atingir aquela meta!

Moral da História: Não vamos colocar meta. Vamos deixar a meta aberta, mas quando atingirmos a meta, vamos dobrar a meta.
-Dilma Rousseff

Foi bem assim que me senti quando não estabeleci prazo para minha meta.

Seja Realista!

3) Levante-se e estique-se

Se exercitar te ajuda a ser mais resistente, isso em todos os aspectos da vida, até se estressar menos os exercícios físicos ajudam.

Você sendo mais resistente, sem dúvidas terá mais motivação!

O professor de Ed. Física Amilton Vieira afirma que a atividade física contribui com o bem estar, ansiedade e como eu disse no stress do dia a dia!

4) Recompense-se. 

Acima, falei sobre dividir metas maiores em pequenos objetivos menores. Bem, cada um desses mini gols deve ter uma recompensa ligada a ele.

Faça uma lista de seus objetivos, com mini metas, e ao lado de cada um, escreva uma recompensa apropriada.

Escolha recompensa a altura de cada meta cumprida!

Mas cuidado com a ideia, pois se você está tentando perder peso, não recomendo ter uma “farra de sobremesas” por atingir a meta não, hein?! Isto é auto destrutivo!

5) Encontre inspiração diariamente

Para você ter motivação, uma das melhores formas é se inspirando em alguém!

É automático! Quando você começa a seguir alguém você quer fazer muitas coisas igual o que aquela pessoa faz, não por inveja ou algo do tipo, longe disso, e sim porquê está ligado ao que você se interessa…

As fontes de inspiração podem incluir: blogs, histórias de sucesso online, fóruns, amigos e familiares, revistas, livros, citações, músicas, fotos ou até mesmo pessoas que você conhece.

Empatia

Entendendo que todo mundo tem seu próprio conjunto de sentimentos, desejos, gatilhos e medos.

Para ser empático, você está permitindo que suas experiências ressoem com as suas próprias, a fim de responder de uma maneira emocionalmente apropriada.

Simplesmente, a empatia é a capacidade de compreender as emoções das outras pessoas.

Embora possa não vir naturalmente, existem algumas maneiras que podem ser exploradas.

1) Abra a sua mente para novas experiências

Ouvir experiências de outras pessoas é uma das melhores formas de você ser empático!

Tanto que isso ajuda você com uma evolução de vida e experiências positivas. Você deve pegar como uma forma de caminho. Experiências negativas… Você deve evitar seguir o mesmo caminho. Se conecte ao próximo!

Não tenha medo de se abrir com pessoas que pensam iguais a você.

2) Mergulhe em uma nova cultura

A viagem amplia a mente!

Esse ditado é uma verdade! A vida é apenas uma, para a gente viver de “ciclos” que sempre pregaram para nós.

Às vezes, a melhor maneira de abrir sua mente é pular em um avião e ir para algum lugar completamente diferente.

3) Reconheça o que os outros dizem

Praticar empatia e  inteligência emocional também é escutar o que os outros estão dizendo.

Use palavras de reconhecimento como: “Eu entendo” “Eu vejo”. Mas é claro, fale isso só se você estiver prestando atenção mesmo na conversa do próximo.

4) Sorria Para as Pessoas! 

Sorrisos são literalmente contagiosos. A parte do cérebro responsável por essa expressão facial é o córtex cingulado, que é uma  área de resposta automática inconsciente.

Quando você sorri para as pessoas, a maioria se sente agradecida por aquilo naquele instante, podendo até mudar o dia da pessoa e acaba mudando o seu também!

Uma coisa que não te contaram sobre o sorriso…

Ele ajuda em sua saúde e na de seu colega também! Seu cérebro recebe comandos, e quando se trata de sorrisos, ele tem como indicação que você está feliz.

O que evitar?

imagem 6

Já quase finalizando este artigo, preciso te falar o que evitar para você ter uma inteligência emocional ativa.

Além dos pontos positivos a serem criados e os pontos que devem ser melhorados, tem pontos que tem que serem descartados também!

1) Drama

Existem pessoas excepcionais, pessoas essas que são inteligentes, sabem ouvir e dar bons conselhos.

Da mesma forma que existem pessoas com boas histórias, existe também as pessoas com muitos dramas em suas vidas.

Igual acabei de falar sobre experiências, novamente afirmo para você que não se deve ser contagiado por esses dramas!

Se possível oriente essas pessoas!

2) Reclamar de mais

Pessoas que reclamam de mais, são outras “benças” que deve ser evitando. Observe sem julgar, esse tipo de pessoa não vai muito longe quando se trata de sucesso.

Afinal de contas, quem realmente tem sucesso, não faz esse tipo de coisa. E não estou falando em questão a dinheiro, eu falo em questão prosperidade de vida.

Se for algum amigo ou familiar que você considera muito, deixe entrar num ouvido e sair no outro. Ou se não aplique a forma da reciprocidade “anônima”, ajude essas pessoas sem ao menos esperar algo em troca. Okay?

3) Negatividade

As pessoas que tem inteligência emocional têm a capacidade de refrear pensamentos cínicos.

Eles reconhecem que os pensamentos negativos são apenas isso – pensamentos – e confiam em fatos para chegar a conclusões, bem como ser capaz de silenciar ou excluir qualquer negatividade.

E você deve fazer o mesmo!

4) Morar no Passado

Quando uma pessoa sabe controlar sua inteligência emocional, dificilmente ele faz todos esses erros que citei nesse tópico.

Ela simplesmente usa isso a seu favor levando como uma experiência para sua própria vida!

Inclusive, já tem algum tempo que eu mesmo faço isso também. Uma dica minha, uso isso como experiência e nunca como algo que prejudicou meu presente- futuro.

O que já passou infelizmente não conseguimos mudar, mas o que está para o futuro a gente consegue ir resolvendo dia a dia. Presente por Presente!

5) Egoísmo!

O Egoísmo é um complemento para a evolução da vida. Mas agir em excesso pode trazer desconforto e desarmonia.

Na verdade tudo na vida em exceção acaba sendo ruim. da mesma forma é o egoísmo.

Seja egoísta para não perder os seus valores em alguns aspectos. Um exemplo? 

Na sua profissão! Às vezes você pensa que dar desconto em algo, ou se rebaixar para pegar um tipo de serviço com o valor menor do que você merece… Você pensa que está por cima da situação. Mas na verdade isso é como dar um tiro no pé!

Você se profissionalizou naquilo, é um expert no assunto e a pessoa não concorda com o seu valor (claro, valor de acordo com o seu mercado), você não devem fechar negócio. A melhor forma de reverter isso é com um bom diálogo! Você explicando o porquê daquele preço.

Até fui egoísta e orgulhoso para dar este exemplo, mas foi exatamente para você entender que você tem seus valores, e é esse tipo de valor que as pessoas conseguem enxergar em você!

6) Pressão dos seus colegas

Isso é um ponto obrigatório para sua inteligência emocional, pois se você já tem essa pressão dominada, você não segue o que você não quer, apenas para mostrar para seus colegas que você também pode se encaixar nos padrões deles, não fazendo o que eles fazem.

Você tem sua personalidade, e eles tem a deles, se eles não aceitam você ser uma pessoa diferente, apenas para se encaixar no padrão deles… Desculpe, mas eles nunca foram seus amigos/colegas!

Esses são aqueles tipos de pessoas que se você precisar deles, serão os primeiros a virar as costas para você.

Encontre pessoas em seu padrão. Não é porquê você não quer, que você deve fazer algo que eles querem, para os agradarem.

Vai por mim, eu já tive esse tipo de experiência e sei como é ruim, não recomendo a ninguém. Ainda bem que hoje sei quem são os verdadeiros, pois consigo ter uma inteligência emocional forte.

7) Ser excessivamente crítico

Lembre-se de que as pessoas também são apenas humanas e tem as mesmas motivações (e limitações) que você.

Para você perder sua moral com as pessoas basta você ser muito crítico!

Você não precisa disso. Uma vez que você configura toda a sua inteligência emocional, você não se torna esse tipo de pessoa chatinha…

Conclusão & Resumo 

Bom, chegamos ao final, mas eu tenho que dizer que foi um prazer escrever este artigo para você. Eu espero do fundo meu coração que realmente te ajude a conquistar seus objetivos, e que você consiga remover os entulhos da sua vida.

Agora eu gostaria de saber de você! Tem algum desses tópicos e pontos que realmente está acontecendo em sua vida?

Comente aqui abaixo por favor?! Vai ser de extrema importância, pois além de você comentar sobre sua experiência, você vai receber a de outras pessoas também!

Para finalizar, vou resumir aqui rapidamente para você entender melhor.

Veja também o infográfico abaixo sobre o artigo!


Passo 01: Inteligência Emocional

Eu falo a respeito de você se automotivar, motivar outras pessoas, trazer esse benefício para sua vida. É importante você agregar valor em sua vida e na dos outros. Aplique!!!

Passo 02: Autoconsciência

A segunda e mais importante chave para você equilibrar sua inteligência emocional. Tendo controle de seu humor e suas emoções, é importante você fazer isso.

Passo 03: Autogestão

Uma vez que você tem controle da sua inteligência emocional e auto consciência, você tem uma facilidade extrema de cuidar da produtividade, você se torna positivo e quase nada te abala. Aplique os 2 passos acima e veja o resultado desse terceiro passo.

Passo 04: Motivação

Quando você se mantem motivado, você consegue cumprir metas, tem clareza em qual é o seu objetivo. A motivação é o que vai te trazer todo o processo de ação e ação se torna autogestão, que por fim liga aos 2 primeiros pontos. Seja mais motivado!

Passo 05: Empatia

Seja sua versão aventureira, descobrindo outras coisas que você não tinha feito. Inclusive, recomendo investir em experiências, e não em coisas sem futilidade. Experiência sempre vai deixar na memória! Pratique outras culturas, você poderá gostar e acabar encontrando pessoas do seu padrão. Faça isso na prática também!

Passo 06: O que Evitar

Você tem 2 opções: Ajude ou deixa de lado. Infelizmente é isso, ser bonzinho com todos às vezes não é bom, as pessoas tem suas personalidades, se elas realmente gostam de você elas vão melhorar por ti. Agora se elas não aceitam você da forma que você é, infelizmente essas pessoas não são seus amigos(as). Seja feliz da forma que você é, e não busque agradar a todos. Quando você tenta agradar a todos, você não é feliz. Vai por mim! 

Um forte abraço e até mais!

Infográfico sobre Inteligência Emocional

infografico inteligência emocional